Make your own free website on Tripod.com

Monteiro Lobato

Biografia | Obra: Histórias de Tia Nastácia

Biografia
José Bento Monteiro Lobato, nasceu na cidade de Taubaté, em São Paulo, em 1882.
Quando criança e mesmo na adolescência estudou na cidade natal, vindo mais tarde para São Paulo, onde se formou pela Faculdade de Direito. Fundou o jornal "o minarete", quando ainda era um simples estudante. Em 1913, escreveu um artigo para o Correio Paulistano, se empolgando cada vez mais com a carreira jornalística.
Seus livros são cheios de fantasia de imaginação fora do comum . Escreveu também, livros didáticos, no campo da matemática, história, ciências, geografia, usando e abusando de sua imaginação .

Histórias de Tia Nastácia


Monteiro Lobato

Pedrinho , na varanda lia um jornal . de repente parou , e disse à Emília, que andava rondando por ali :
- Vá perguntar a vovó o que quer dizer folclore
-Vá ? Dobre a língua . Eu só faço coisas quando me pedem por favor .
Pedrinho que estava com preguiça de levantar-se , cedeu à exigência da ex-boneca .
-Emilinha do coração -disse ele- faça-me o maravilhoso favor de ir perguntar a vovô que coisas significa a palavra folclore , sim , te´teia ?
Emilia foi e voltou com a resposta .
-Dona Benta diz que folk quer dizer gente povo ; e lore quer dizer sabedoria , ciência . Folclore são as coisas que o povo sabe por boca , de um contar para o outro , de pais a filhos - os contos , as historias , as anedotas , as superstições , as bobagens , a sabedoria popular, etc . e tal . Por que pergunta isso Pedrinho ?
O menino calou-se . estava pensativo , com os olhos lá longe . Depois disse :
- Uma idéia que eu tive. Tia Nastácia é o povo. Tudo que o povo sabe e vai contando de um para outro, ela deve saber. Estou com o plano de espremer tia Nastácia para o leite de folclore que há nela.
Emília arregalou os olhos.
-Não está má a idéia, Pedrinho! Ás vezes a gente tem uma coisa muito interessante em casa e nem percebe.
- As negras velhas_ disse Pedrinho_ são sempre muito sabidas. Mamãe conta de uma que era um verdadeiro dicionário de histórias folclóricas, uma de nome Esmérica, que foi escrava de meu avô. Todas as noites ela sentava-se na varanda e desafiava histórias e mais histórias. Quem sabe se tia Nastácia não é uma segunda tia Esmérica?
Foi assim que nasceram as Histórias de Tia Nastácia.

 

Parar

Play/Pause

Diminuir Volume

Aumentar Volume


  Clique "Play" para ouvir a leitura...

topo da página

João e Maria


Monteiro Lobato

Houve uma vez um casal com tantos filhos que o remédio foi aliviar a família botando dois fora. Chamavam-se João e Maria os escolhidos como vítimas. Certa manhã o pai mandou que se aprontassem para irem com ele tirar mel na floresta.
Os meninos se aprontaram e foram. Lá no meio da mata o pai disse: "Agora fiquem aqui bem quietinhos enquanto eu me afasto. Assim que ouvirem um grito, dirijam-se do lado do som", e afastou-se para um ponto em direção contrária à sua casa, onde gritou - e depois deu uma volta e correu para casa. Ouvindo o grito, as duas crianças encaminharam-se do lado do som.; Não encontraram o pai e perderam-se.
Veio a noite e os dois coitadinhos dormiram num oco de pau. No dia seguinte João subiu ao alto duma árvore para ver se enxergava alguma coisa. Viu muito longe uma fumacinha. Mandou que Maria ficasse esperando e dirigiu-se para lá.

topo da página

bibliografia: